Notícias

Bacon que veio do Mar? Conheça essa descoberta

Você ouve por aí que bacon é delicioso ou que “posso tudo, menos parar de comer bacon”? Geralmente usado para realçar sabor, está presente em diversos pratos, é bastante comum em hambúrgueres, mas também chega até as receitas mais sofisticadas.

Ele é famoso, no entanto, lembramos que causa sofrimento aos porcos que precisam morrer, além de gerar muito lucro para industria pecuária que o faz chegar nos quatro cantos do mundo sem que as pessoas saibam as reais consequências do abate cruel.

Embora muitas pessoas evitem por causa do alto valor calórico e teor de gordura saturada, ainda é muito consumido, mas isso porque ainda não conhecem a existência de uma alga marinha desenvolvida em laboratório que quando é frita, acredite, fica sabor de bacon.



Cientistas dos Estados Unidos levaram longos 15 anos para aperfeiçoar a Palmaria Palmata, uma espécie de alga vermelha que cresce no oceano Pacífico e Atlântico.

O objetivo inicial da pesquisa que ficou pronta em 2015 não era criar um produto para consumo humano, era para facilitar a criação de um molusco muito apreciado no continente Asiático.

Mas os humanos como sempre dotados de esperteza logo perceberam que essa alga tem uma textura crocante e um sabor muito parecido com o do bacon.

Segundo as pesquisas, a alga é fonte de minerais como o potássio, vitaminas e antioxidantes, e duas vezes mais nutritiva que a couve.

Será que logo veremos essa alga em todos os salgadinhos, lanches e petiscos por aí? Tomara que sim, pois dessa forma os porquinhos podem viver uma vida plena como merecem.

O que você achou? Comente



Compartilhe com seus amigos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *