Rinhas de Pitbull. Mais um crime hediondo e covarde contra os animais.

Rinhas de PitBull são o que existe de mais execrável no ser humano!

Quando eu penso o que leva esses covardes a se divertirem com esse tipo de atrocidade,  é que eu vejo o quanto temos ainda por fazer.

Temos que dar os parabéns aos policiais envolvidos, mas temos que cobrar  dos deputados e senadores, pois é inaceitável que um tipo de evento desses se quer possa existir no Brasil. Precisamos de uma lei específica que considere esse crime como hediondo e inafiançável,  com penas caras a quem  participa e promove  esse tipo de crueldade covarde e inominável.

Mais execrável ainda é constatar que esses facínoras, comiam a carne desses animais, que servia também de alimento para os cães que sobreviviam.

Vejam  não há mulheres nesse evento repleto de  homens, imbecis, deploráveis, covardes que se divertem com  animais para se enfrentando  até a morte. Que outro tipo de outras coisas hediondas esses homens são capazes?

O FBI, a policia federal americana,  há muito tempo constatou que humanos que maltratam animais têm sempre históricos e potencial para cometer outros crimes contra crianças, humanos e outros animais. Têm potencial para  serem  serial killers, portanto há que se investigar e  ter uma visão 360 desses idiotas, covardes, criminosos.

Nosso país, já possuído de tantas outras vergonhas, não pode ser palco para mais essa atrocidade contra seres totalmente indefesos.

Surreal, para dizer o mínimo é a presença entre os presos de um médico e um veterinário que aplicava anestésicos para que os cães continuassem  lutando por suas vidas, num campeonato sujo desprovido de qualquer tipo de civilidade.

Um vídeo que circula na internet mostra o médico Leonidas Bueno Fernandes Filho (CRM/GO 11829) conversando com policiais no momento do flagrante (confira abaixo). Ele alega que foi até a chácara buscar um cachorro, presente de um amigo. Ele afirmou não estar participando da rinha. A distância entre Goiânia-GO e Mairiporã-SP é de 900 km.

Posted by Rogerio Garcia on Tuesday, December 17, 2019

Segundo os policiais,  Leonidas Bueno Fernandes Filho (CRM/GO 11829) e um  Veterinário, André Luís Sotero Vital,  (CRMV-505), amazonense e funcionário do Agência de Defesa Agropecuária e Florestal do Estado do Amazonas (ADAF). eram responsáveis por reanimar os cães muito machucados para as próximas lutas.

Nesta segunda-feira (16), os 41 presos durante a operação passaram por audiência de custódia e apenas o acusado de organizar e alugar o local para o torneio permaneceu preso. O valor da fiança variou de R$ 998 a R$ 59.880.

No local do crime foram encontrados envelopes com anotações de apostas, celulares, troféus, camisetas do “evento”, planilhas sobre lutas, medicamentos ilegais, seringas e outros insumos hospitalares que seriam usados nos animais.

O Conselho Regional de Medicina Veterinária do Amazonas, por meio de nota repudiou a atitude e disse que está tomando as providências cabíveis em torno do caso.

 A ADAF já tomou conhecimento do caso e André foi demitido do órgão nesta terça-feira (17).

Amar os animais é o princípio que nos leva a pedir que você, se já não o faz, não os coma.

Em nome do amor aos animais, se você já é vegan, avise suas amigas  e amigos. Compartilhe essa ideia,  faça sua parte pra um futuro  sustentável e sem crueldade.

Polícia prende 41 pessoas em rinha de pitbulls em São Paulo

No outro dia o Juiz, obviamente agindo de acordo com a Lei, solta 40 dos acusados.

O juiz André Luiz da Silva da Cunha entendeu que o crime cometido por eles não é tão grave que justifique prisão preventiva. Apenas o homem apontado como organizador do evento continua preso. Ele é de Manaus e, segundo as investigações, alugou a chácara e preparou até mesmo transmissão via internet para apostas internacionais.

Ou seja, é preciso criar uma lei específica para rinha de animais como penas severas a quem produz e que assiste.

Polícia Civil de São Paulo prendeu 41 pessoas que participavam de uma rinha de cães em Mairiporã, na região metropolitana da capital. Foram encontrados no evento clandestino 18 animais da raça pitbull, quase todos feridos, além de um cachorro que estava sendo assado e serviria de comida para os outros cães

O delegado Matheus Laiola, da Polícia Civil do PR, contou em sua conta no Instagram que havia filhotes entre os cães resgatados e os participantes colocavam pimenta no focinho dos animais para deixá-los enfurecidos para as brigas. Segundo ele, a operação envolveu mais de 100 policiais.

 

O delegado Matheus Laiola, da Polícia Civil do PR, contou em sua conta no Instagram que havia filhotes entre os cães resgatados e os participantes colocavam pimenta no focinho dos animais para deixá-los enfurecidos para as brigas. Segundo ele, a operação envolveu mais de 100 policiais.

Os animais resgatados foram mantidos sob escolta policial — o Instituto Luisa Mell ofereceu apoio para ajudar no acolhimento dos cães em estado mais grave; outros foram encaminhados para adoção. Os detidos foram autuados pelos crimes de maus tratos a animais, resistência e contravenção penal de aposta em jogo de azar.

PRISÃO INAFIANÇÁVEL AOS PARTICIPANTES DA RINHA DE CÃES - FORAM SOLTOS!! Absurdo!!

PRISÃO INAFIANÇÁVEL AOS PARTICIPANTES DA RINHA DE CÃES – FORAM SOLTOS!! Absurdo!! Assine a Petição!

https://secure.avaaz.org/po/community_petitions/sr_juiz_de_direito_prisao_inafiancavel_aos_participantes_da_rinha_de_caes/?aTmjmkb

Por Rogerio Garcia

Facebook Comentários

Vegetarianos
Criar nova conta
Reconfigurar senha
Comparar itens
  • Total (0)
Comparar
0
Open chat
1
Gostaria de mais informações sobre: Rinhas de Pitbull. Mais um crime hediondo e covarde contra os animais. (https://vegetarianos.com.br/vegnews/rinha-de-pitbulls)
Powered by